21.4.10

Apologia da derrota?

Está bem, a luta do rapaz era uma luta inglória. Ok, não chegou a ser cristianizado; foi pior: traído. Enforcado, corpo retalhado e espalhado pelas Minas Gerais, tornou-se mártir de uma causa que não deu frutos - aliás, o 'quinto' é praticamente 'metade'. Quase não foi citado entre os artífices da Independência ou da República. Virou feriado. E, no feriado, a população é como pombos em monumentos incertos... (Preciso explicar?)

O Descobrimento do Brasil - 'só' isso, não vira feriado.

Entenda-se!

Nenhum comentário: