18.8.08

'Homeschooling' tem vez no Brasil?

Seria interessante se casos como esse fossem capazes de fazer nossos amáveis homens públicos revirem a política para a Educação... Qual o que?

De qualquer forma, desejo boa sorte para os adolescentes na maratona de provas determinada pela Justiça de Minas Gerais. A reportagem não deixa claro o que acontecerá com a família depois da prova, tanto para o caso de insuficiência ou de aptidão para a maravilhosa educação pública.

Na reportagem que linkei na primeira linha há pelo menos uma impropriedade por um dos entrevistados:
Para professor titular da Faculdade de Educação da USP, Nelio Bizzo, o "homeschooling" tem fundamento teórico para pessoas com orientação religiosa muito específica (como os quackers), mas não para as demais.
Bullshit! Eu aceito o fato de a prática não ser recorrente entre os americanos (embora um milhão de famílias não seja um número inexpressivo), mas ela vai muito além de mera 'orientação religiosa'.

***

Uma coisa interessante em tudo isso é que o caso remete a um daqueles 'direitos', típicos da lógica brasiliana: "A família é inviolável. (Mas nem tanto...)"

Convém não esquecer que o atual presidente gaba-se em ter aprendido o que sabe (cof cof cof) na 'escola da vida'.

***

Por que não se criar mecanismos para aferir o conhecimento dos homeschoolers?

Para saber mais: Homeschooling na Wikipedia

Nenhum comentário: